Como saber se uma criança tem autismo?

Publicado em: 29, outubro, 2014

É muito importante atentar-se a qualquer sinal indicativo de autismo, pois o diagnóstico tardio pode comprometer significativamente o tratamento e o prognóstico. Como saber se uma criança tem autismo

Exames laboratoriais ou marcadores biológicos para a identificação do transtorno poderão ser pedidos, caso o médico suspeite via avaliação de quadro clínico e pela observação comportamental.

Os indícios de autismo costumam se manifestar antes dos três anos e revelam significativamente desvios na comunicação, na interação e no jeito de imaginar as coisas.

Sinais de autismo:

  • Comportamentos padronizados, como mexer os dedos diante dos olhos, movimentar continuamente a cabeça, antebraços e/ou mãos e andar nas pontas dos pés, quando descalço.

  • Alterações de sono;

  • Sensibilidade a sons específicos;

  • Aversão ao contato físico;

  • Frequente desejo de ficar sozinho e desinteresse por estímulos, como brinquedos e objetos;

  • Ausência de contato visual

  • Apresentação de comportamentos estranhos;

  • Ausência de resposta aos chamados dos pais e/ou cuidadores, parecendo ser surdez;

  • Realce, em alguns casos, de habilidades especiais, na área matemática e artística;

  • Dificuldade de se envolver em brincadeiras de “faz-de-conta”;

  • Sentimento de desconforto, quando fica no colo;

  • Inquietude e autoagressividade.

Qualquer suspeita, é fundamental procurar um especialista para descartar ou diagnosticar autismo.  O mais importante é a informação, para que a criança autista se sinta inserida no meio em que vive e que seja feliz, garantindo assim melhor qualidade de vida.

Referência: Ministério da Saúde – Caderneta de Saúde e de Vacinação.